quarta-feira, julho 26, 2006

99 - Manoel José Teixeira Victoria


Sempre educado e atencioso com todos, seja adulto ou criança, assim foi Manoel José Teixeira Victoria, ou simplesmente “Seu Manoel”. Nasceu em Rosário, em 1o de dezembro de 1918, filho de Idílio Manoel dos Santos Victoria e Alaíde Teixeira Victoria. Foi com apenas dois anos para o Capão do Leão onde casou com dona Carmem e teve 7 filhos, 5 homens e 2 mulheres. Desde Jovem manteve-se atuante nas atividades da comunidade, sendo um dos destaques no Bloco Carnavalesco “Os Sedutores”, fundado por Jorge Pedro Hillal. Mais tarde, fundou com Luís Carpter, Ildemar Porto Antunes (Bamba), José Aloar, José Ribeiro, Milton e Manoel Selmo e Edmar Dias, o Clube Carnavalesco do Urso. Em 1980, participou do Núcleo Comunitário do Capão do Leão, presidido por Epaminondas Rodrigues (Sr. Tunca) ocasião em que foi comprada a primeira ambulância do Capão do Leão, adquirida com verba arrecadada na comunidade. Quando era proprietário de um forte comércio no Capão do Leão, sempre ajudou os necessitados. Colocou sua residência à disposição dos Correios e Telégrafos, sem nenhum ônus para a entidade, o que fez com que o Posto do Capão do Leão funcionasse por longo tempo. Foi Vereador em Pelotas, representando o Capão do Leão, de 1960 a 1963, no governo de José Carlos Gastal. Em 1963, foi ativo participante do movimento emancipacionista do Capão do Leão, liderado por seu irmão Ruy e seu amigo Enedino Silva. Faleceu em 8 de julho de 1999, no Capão do Leão.
.
[TRIBUNA DO SUL 21-03-1992: 4] PETIZ, Vanderlei. UM LEONENSE: Manoel José Teixeira Victoria. Pelotas: Tribuna do Sul. 14/03/1992-21/03/1992. pag. 4

segunda-feira, julho 24, 2006

98 - A Maçonaria no Capão do Leão

Capão do Leão já teve 3 lojas maçônicas:
1a - Lealdade (26/07/1902 a 15/07/1915) - Em 26 de julho de 1902, foi fundado na Vila do Capão do Leão, pertencente na época a Pelotas, a Loja Lealdade, tendo em 15 de julho de 1915 se fundido as Lojas "Honra e Humanidade" e "Rio Branco" de Pelotas. Assinaram o acordo de fusão o doutor Manoel Seraphim Gomes de Freitas como Venerável da Loja "Rio Branco" e o senhor Alexandre Gastaud como Venerável da "Honra e Humanidade" e da "Lealdade". A nova Loja tomou a denominação de "Lojas Unidas Honra e Humanidade, Rio Branco e Lealdade". Formaram sua primeira diretoria os senhores doutor Manoel Seraphim Gomes de Freitas, Alexandre Gastaud, Alberto Sanz Navas, Alfredo Augusto de Carvalho Bastos e Hormino Francisco Lopes. A diretoria em 1922 estava constituída pelos Srs. José Ernesto Augusto Lang, Alípio Baptista de Oliveira, doutor Edison Barcellos Fagundes, Eduardo Francisco dos Santos e Catullo de Mattos. Em 6 de março de 1923, estas Lojas passaram a denominar-se Loja Fraternidade, nome que mantém até os dias de hoje. O prédio da Loja Lealdade foi entregue ao município para uma escola.
.
2a - Tiradentes (07/11/1977 a ???)
.
3a - Tiradentes II (teve suas origens na Loja Fraternidade)
.
Fonte:
[ROSA 1997] ROSA, Claudia Regina Gomes. Jornal "O Templario" - Órgão da Maçonaria de Pelotas. Monografia orientada pelo prof. Adhemar Lorenço da Silva Jr. Pelotas: UFPEL. Dez.1997 (encontra-se no Núcleo de Documentação Histórica da UFPel).

domingo, julho 23, 2006

97 - Obelisco da I Guerra (Foto Atual)


Ontem, dia 22 de julho, estive na Pedreira Municipal e tirei fotografia do Obelisco em comemoração ao fim da Primeira Guerra Mundia. Neste obelisco, em um dos lados está escrito "Glória aos Aliados - Honra ao Brasil" e, no outro, "PAZ 28-8-919". A I Guerra foi de 1914 a 1918.


Tive sorte também de bater uma foto de uma pomba, símbolo da paz, pousada sobre o monumento.

sexta-feira, julho 14, 2006

96 - Capão do Leão como distrito

Em 31 de janeiro de 1812 foi determinada a criação de uma freguesia separada da freguesia de São Pedro do Rio Grande.
-----
Um alvará de 7 de julho de 1812 divide o território, que constituiu mais adiante o município de Pelotas, da freguesia de São Pedro do Rio Grande, para constituir uma nova Paróquia, com o título de São Francisco de Paula. Até então, esta região era um distrito chamado "Serro Pelado".
-----
Em decreto de 7 de dezembro de 1830, São Francisco de Paula foi elevada à categoria de vila compreendendo no seu têrmo o distrito da mesma freguesia, Boqueirão e Cêrro da Buena. No dia 10 do mesmo mês, a capela de Nossa Senhora do Cêrro da Buena é desmembrada da matriz de São Francisco de Paula. Capão do Leão peretencia ao Cêrro da Buena (ou Nossa Senhora da Consolação do Boquête).
-----
Em 27 de junho de 1835, a vila de São Francisco de Paula é elevada a categoria de cidade, com a denominação de cidade de Pelotas.
-----
Em 18 de março de 1872, Pelotas dividiu-se nos seguintes distritos: 1 – a cidade e a Freguesia de Santo Antônio da Boas Vista; 2 – a Freguesia da Buena (inclui Capão do Leão); 3 – a Freguesia do Boqueirão (São Lourenço).
-----
Em 27 de agosto de 1893 Pelotas foi redividido em 4 distritos: 1 – Pelotas, 2 – Areal, 3 – Retiro e 4 – Capão do Leão. Mais tarde surgiram mais 3 distritos: 5 – Passo do Pelotas (19/08/1896), 6 – Santa Silvana (15/08/1905), 7 – Santo Antônio do Quilombo (31/08/1924).
-----
Em decreto municipal de 24 de junho de 1938 são alteradas as divisas dos primeiro e segundo distritos de Pelotas e dá denominação aos sete distritos, que são: 1 – Pelotas, 2 – Areal, 3 - Cerrito Alegre, 4 – Capão do Leão, 5 – Santa Eulália, 6 – Santa Silvana, 7 - Santo Antônio do Quilombo. Em decreto de 29 de dezembro do mesmo ano, nova divisão foi feita e ficaram somente 3 distritos: Pelotas, Areal e Capão do Leão. Neste decreto Capão do Leão foi elevada a categoria de Vila.
-----
Em 29 de dezembro de 1944 o distrito do Areal passou a se chamar Dunas e Zonas passaram a ser chamadas de Sub-Distritos.
-----
Em 4 de maio de 1959, houve nova modificação e Pelotas ficou dividida em 8 distritos. A divisão era muito parecida com a divisão de 1938 com a exceção de Capão do Leão que se dividiu em dois: Capão do Leão e Morro Redondo ficando da seguinte maneira: 1 – Pelotas, 2 – Dunas, 3 - Cerrito Alegre, 4 – Capão do Leão, 5 – Santa Eulália, 6 – Santa Silvana, 7 - Santo Antônio do Quilombo e 8 – Morro Redondo.
-----
Nova divisão foi feita em 17/12/1965: 1 - Pelotas, 2 - Laranjal, 3 - Cerrito Alegre, 4 - Capão do Leão, 5 - Cascata, 6 - Santa Silvana, 7 - Quilombo, 8 - Morro Redondo, 9 - Monte Bonito, 10 - Arroio do Padre

95 - Mudou de Endereço

O Blog do Prof. Joaquim Dias sobre o Capão do Leão mudou para

sábado, julho 08, 2006

Quarto Mês do Blog


Ontem este blog completou quatro mêses. Este último mês foi bem parado. O que tivemos foi:

dia 7/6/2006 - 89 - Descoberta do Prof. Joaquim Dias
http://capaodoleao.blogspot.com/2006_06_07_capaodoleao_archive.html

dia 9/6/2006 - 90 - Obelisco da Primeira Guerra; 91 - Obelisco da II Guerra
http://capaodoleao.blogspot.com/2006_06_09_capaodoleao_archive.html

dia 18/6/2006 - 92 - Obelisco da II Guerra (Foto Atual); 93 - Antigo Prédio DST em Reforma
http://capaodoleao.blogspot.com/2006_06_18_capaodoleao_archive.html

dia 22/6/2006 - 94 - Busto de Elberto Madruga na entrada do Capão do Leão
http://capaodoleao.blogspot.com/2006_06_22_capaodoleao_archive.html


Índices dos mêses anteriores:
http://capaodoleao.blogspot.com/2006/04/primeiro-ms-do-blog.html
http://capaodoleao.blogspot.com/2006/05/segundo-ms-do-blog.html
http://capaodoleao.blogspot.com/2006/06/terceiro-ms-do-blog.html